top of page

Perca o medo de investir: dicas preciosas para quem quer começar a investir e se preparar pro futuro

Atualizado: 19 de dez. de 2022

Investir em renda variável está longe de ser um bicho de sete cabeças. Confira como ter uma boa experiência na bolsa de valores.


É fato que a bolsa de valores está se tornando uma plataforma de investimentos mais acessível ao brasileiro. De acordo com a B3 (Brasil, Bolsa, Balcão, a bolsa de valores brasileira), entre julho de 2021 e junho de 2022 o número de investidores aumentou de 3,15 milhões para 4,40 milhões. Mesmo assim, o mercado de ações ainda assusta muita gente. O negócio é considerado arriscado e gera desconfiança para muitos investidores que optam por outras formas de aplicações, como renda fixa. Mas não é preciso ter medo. "Se permita errar. É paradoxal, mas, quando eu me permito errar eu também me permito ganhar e, principalmente, aprender", explicou Luciana Cardoso, colaboradora da Sproutfi e psicóloga do dinheiro. Confira dicas para não sofrer nos primeiros passos de investimento e saiba como perder o medo de investir.


Leia e interaja sobre finanças


Uma das primeiras dicas de Luciana Cardoso é separar, nem que seja 15 minutos do dia, para ler sobre finanças e investimentos. Além disso, trocar ideias sobre o assunto também ajuda a aumentar o conhecimento. "Plataformas como a Sproutfi têm artigos dentro do aplicativo e uma comunidade em que você pode aprender com pessoas que começaram antes no mundo dos investimentos", analisou Luciana.


Crie familiaridade com a plataforma


Mesmo que você não vá aplicar dinheiro no momento, entender o funcionamento do app da corretora é importante. Afinal, novidades assustam. E determinadas plataformas oferecem conteúdos e dicas de forma gratuita, sem que, para isso, o investidor precise fazer uma aplicação.


Na hora de investir, vá no básico


Ok, você criou coragem para fazer a primeira aplicação. É natural que surja a dúvida de qual ação escolher. Por isso, a dica é: escolha ações que já conheça e/ou utilize no dia a dia. "Se você não se sente confortável para fazer isso, um ETF que siga índice como o S&P 500 pode ser uma boa opção", recomendou Luciana. "Comece aos poucos pra sentir como funciona. A Sproutfi não cobra taxa de comissão ou valor mínimo. Assim você pode investir um pouco até se sentir mais confiante", completou a psicóloga.


Permita-se errar


É inevitável que, uma hora ou outra, o investidor fará escolhas erradas. Mas o erro é parte do processo de aprendizado e deve ser "normalizado". "Nesses anos de consultório atendi muitas mulheres que nunca se permitiram errar quando o assunto era dinheiro, muitas pela culpa de perder dinheiro, outras porque acreditaram na falácia de que mulher não entende de dinheiro. E, com isso, elas nunca se autorizaram a errar, mas também nunca investiram", relatou Luciana Cardoso.



uma marca mantenedora da B2Mamy.

Comments


bottom of page