• B2Mamy

O que vestir na volta ao escritório?

E depois de tanto tempo confinados, chegou a hora de voltar ao trabalho presencial.


E eu sei que está difícil abandonar o pijama e voltar a vestimenta tradicional de trabalho.

Por isso, a indústria da moda já entendeu que você não quer abandonar o conforto e a descontração que você conquistou durante o longo período de confinamento e trouxe para as coleções peças descomplicadas, confortáveis, e em tecidos leves, coloridos e estampados.



Por meses, ficamos descalços ou usamos tênis ou chinelos no home office e agora só de pensar num salto alto, arrepiamos. Eu sei que muitas mulheres ainda se questionam se o salto alto num seria considerado mais adequado à vestimenta profissional, mas felizmente, vejo um movimento muito forte de aderência aos calçados de saltos baixos ou flats no ambiente profissional.


E as empresas, mesmo as mais conservadoras, já entenderam que valorizar o estilo pessoal, prezando pela autenticidade do funcionário, reflete no comportamento e até mesmo no seu rendimento. E este movimento ficou muito mais forte após o período de confinamento. Claro que em alguns momentos não dá para ignorar que devemos seguir alguns padrões, mas é possível adaptá-los à sua personalidade e seu estilo. O bom senso deve sempre falar mais alto na hora de se vestir para trabalhar.


Se você tem uma reunião importante naquele dia e provavelmente fechará um grande negócio, será que uma roupa mais adequada a cultura da empresa não é mais indicada? Pense na confiança e profissionalismo em que uma boa imagem pode transmitir e avalie a necessidade de um look mais formal nesse dia. A imagem fala por si só. Há pesquisas comprovando que em menos de 1 minuto avaliamos se uma pessoa é amigável, atraente, e se nos identificamos com ela, socialmente e intelectualmente.

Esteja sempre atento ao ambiente em que você trabalha e preste atenção aos códigos não escritos. Analise a situação como um todo e encontre uma identidade visual que seja fiel ao seu estilo, mas que esteja alinhada a cultura da empresa.

Novos tempos trouxeram sinais de mudanças que fizeram muitas empresas reverem seus códigos de vestimenta, deixando seus funcionários com mais liberdade no vestir profissionalmente. Por isso, traga o conforto do home office para o escritório e acredite, se arrumar para trabalhar faz bem, para que nosso cérebro deixe o estado de "repouso" e atinja seu máximo potencial produtivo.



Vivi Zanette é consultora de moda pela metodologia Danielle Ferraz, consultora de imagem profissional e etiqueta pela FAAP, certificada em coloração pessoal pela Belas Artes e Studio Immagine e visagismo pelo Instituto Mil.

29 visualizações

Posts recentes

Ver tudo